A mulher do meu amigo me deu a boceta na frente dele

1 vote

Há dois anos atrás viajei com um casal amigo para o interior  para praticarmos esportes de aventura. Como nessa época não estava com namorada fui sozinho.

Tenho mais de 50 anos e este casal era bem mais jovem. A mulher de meu amigo era uma morena de 1,60m, muito gostosa, além do sorriso e simpatia tinha um corpo delicioso.

Após uma manhã e tarde de pratica esportiva intensa, aproveitamos o calor que fazia e fomos a uma represa para tomar um banho e refrescar os 35ºC que fazia. Na hora de ir embora entrei no carro e aguardei o casal, ela encostou-se na minha janela e começou a tirar a roupa com meu amigo colocando a toalha na frente para as pessoas que eventualmente estivessem olhando não pudessem vê-la nua.

Com o carro de um lado e meu amigo com a toalha do outro ela baixou a calcinha do biquíni e encostou aquela bunda gostosa no vidro. Fiquei louco em ver aquilo.

Voltamos para a pousada com ela de camiseta regata sem sutiã, aparecendo toda a lateral de seus seios.

Na pousado ficamos em chalés lado a lado e como estava sozinho às noites era convidado para beber um vinho e conversarmos um pouco.

Comi a mulher do meu amigo

Na segunda noite notei que a conversa fluía com facilidade para assuntos picantes. Lembrei da tarde na represa e não pude deixar de ficar olhando aquela fêmea gostosa num vestido curto e solto que a todo momento erguia e mostrava a calcinha branca que a safada usava.

Em um momento fui servir o vinho aos dois e ela levantou-se, virando aquele rabo de encontro ao meu pau. Notei que meu amigo estava se divertindo com aquilo. Foi a deixa para segurar a cintura dela e apertar contra meu corpo.

Ela deu uma risadinha e olhou novamente para meu amigo para confirmar se podia se soltar mais.

Virou-se para mim e disse que já haviam combinado entre eles de experimentar coisas novas e que eu seria bem vindo nessa nova fase.

Dito isso me abraçou e deu um beijo molhado cheio de tesão. Aproveitei para levantar seu vestido e assim tirá-lo, deixando ela só de calcinha enfiada bem dentro daquela bunda maravilhosa.

Beijei seus seios durinhos e gostosos e sem perder tempo saquei a calcinha para ver novamente aquele corpo nu delicioso. Teria agora a chance de ver aquela bucetinha depilada e molhada sem um vidro na frente.

Meu amigo sentou em uma poltrona que havia no quarto e começou a assistir o momento em que coloquei a sua esposa deitada de barriga para cima e comecei a beijar seu corpo todo. Ao chegar nas coxas me aproximei da xoxota e fui beijando devagar, aproximando pouco a pouco de seus lábios.

Como adoro chupar uma bucetinha, fiquei alguns minutos, lambia, beijava e pressionava toda até que ela contorceu-se toda e soltou um grito abafado pelo travesseiro que havia do seu lado.

Virei ela de bruços e coloquei o travesseiro embaixo de sua cintura, colocando o rabinho para cima. Era uma visão espetacular, fui até sua orelha e mordisquei, avisando que seria minha putinha a partir daquele instante. Ela muito obediente acenou com a cabeça e levantou ainda mais o quadril.

Comecei a beijar sua xoxota até a entradinha do ânus, forçando com a língua deixando bem molhada a entradinha do cuzinho. Aos poucos introduzi um dedo e mais um, massageando o clitóris. Quando vi que ela já estava mais relaxada e pronta fui beijando suas costas até a orelha e nuca.

Meu amigo nessa hora parecia estar realizando um desejo de muito tempo, com o rosto demonstrando que estava com ciúmes e prazer. Vendo isso me deu mais vontade ainda de comer sua mulher. E ela parecia estar adorando a situação.

Penetrei aquele cuzinho delicioso e apertado, colocando bem devagar até chegar às bolas.

Fiquei por um momento parado, chamando-a de putinha enquanto mordiscava a orelha. A gostosa começou a rebolar no meu pau e ritmo foi aumentando até que não aguentei mais e gozei dentro dela.

Bebemos um pouco mais de vinho e em seguida meu amigo pediu que eu ficasse deitado que queria ver sua mulher sobre mim. Ela aproveitou para chupar nós dois para a seguir montar invertida, mostrando sua bundinha durinha e beijando seu marido. Foi então que se virou para mim e começou a pular com vontade até desfalecer num gozo intenso.

Como não havia gozado dessa vez, aproveitei para ejacular no rosto dela, com uma chupada final.

Depois disso deixei os dois curtindo o momento e fui descansar em meu quarto.

No dia seguinte voltamos e quando há oportunidade eu volto a transar com ela sobre o olhar de seu marido, já que agora estou casado e minha mulher não sabe dessa amizade íntima.


Contos de Sexo Relacionados

  • Sexo a três 2 anos atrás

    Brincadeira a três com a namorada

    Vou contar o que aconteceu com uma ex namorada na época sempre tivemos a nossa relação foi aberta mas nunca saíamos sozinhos nossas rede sociais tbm. Então um dia olhando o face dela tinha uma conversa dela com...

    LER CONTO
  • Corno 1 ano atrás

    Mamei gostoso e depois beijei meu corno

    Sou morena, quadril largo, bunda grande e redondinha, cintura bem fininha, cabelos lisos bem pretos. O sexo com meu namorado é uma delícia. A gente trepa praticamente todo dia, mesmo estando juntos há quatro anos e...

    LER CONTO
  • Corno 2 anos atrás

    Minha putinha fez rodizio de amigos

    Sou casado com Maria(*) há 21 anos. Tenho 44 e ela 40. Alguns anos atrás participamos de um curso de hidroginástica e fizemos ótimas amizades. A maioria dos participantes eram de pessoas de maior idade e eu e...

    LER CONTO
  • Corno 1 ano atrás

    Meu tio fodeu minha esposa toda

    Bom... lá vai.... Minha esposa e eu temos 28 anos. Ela é bem gostosa, um rabo delicioso, nós sempre tivemos vontade de convidar uma pessoa para transar com a gente, sempre na hora do sexo ficávamos imaginando isso e...

    LER CONTO
  • Contos Eróticos 1 ano atrás

    Levei a esposa pra outro

    Então tudo começou a uns 2 anos atrás aonde eu tinha desejo de ver minha esposa com outro cara. E desde então venho conversando com ela sobre isso e sobre a possibilidade disso acontecer. Há uns 4 meses atrás...

    LER CONTO
  • Traição 2 anos atrás

    O Patrão de minha mulher lasca ela

    Sou casado há 25 anos. Tenho 50. Minha esposa, bonita, corpo normal, tem 45. Ela trabalha numa multinacional em função administrativa. Por um azar do destino fiquei desempregado há dois anos. Minha área é restrita...

    LER CONTO
  • Corno 8 meses atrás

    Sou corno manso do fortão mandão

    Gostaria de compartilhar com vocês a minha situação.... Sou moreno, tenho 45 anos, 1,78cm, 89kg, tenho corpo malhado pois faço academia, tenho um dote bacana 19 x 6.5cm. Sou casado e ela é branca, 1,68cm, 64kg,...

    LER CONTO

Deixe seu comentário