A primeira transa com meu namorado

1 vote

Boa tarde pessoal! Tenho 20 anos, sou branquinha, tenho cabelos cacheados médios, 1,72 de altura, bunda e coxa grande e seios médios. Estou no segundo ano da faculdade de direito (não é o que eu realmente queria fazer mas enfim).

Hoje veio um garoto novo na minha sala. Ele é alto, moreno, tem um cabelo cacheado, mais ou menos na altura dos ombros, tem um estilo meio alternativo, do jeitinho que eu gosto. Logo que ele entrou na sala já me interessei por ele, apesar de estar de máscara ele parecia ser muito gostoso.

Logo depois da aula fui falar com ele. Tentei jogar um charme mas ele não demonstrou nenhum interesse em mim.

Chegando na faculdade outro dia, nada o garoto simplesmente cagava pra minha existência! Então tive que apelar, eu não ia desistir desse macho tão fácil assim!

Chegando em casa fiz uma simpatia para ele se apaixonar por mim, coloquei o nome dele num papel com mel e açúcar e deixei debaixo da cama por três dias.

Logo no dia seguinte parecia que subitamente ele havia despertado um grande interesse por mim, a simpatia havia dado certo!

-Oi-disse ele.
-Oi-respondi
-Quer sair comigo?-perguntou
-Sim-respondi
-ok, me passa seu número pra gente ir combinando?-disse O gostoso

Então lhe entreguei um papel com meu número.

Nossa primeira transa

Depois da aula havia uma mensagem dele, combinamos de sair na sexta feira, depois da aula pois ela acabaria mais cedo.

Chegado o dia do encontro, depois da aula fui pra casa me arrumar, tomei um banho, fiz uma make bem ousada e coloquei um vestidinho preto bem curto e que mostra bastante meu corpo e por baixo havia uma calcinha fio dental de renda.

Chegando lá, nós não tínhamos muito dinheiro então compramos duas garrafas de vinho barato no mercadinho da esquina e fomos beber numa praça. Durante a bebedeira trocamos muita ideia sobre diversos assuntos, dos mais fúteis aos mais profundos.

Uma garrafa e meia de vinho depois nós começamos a nos beijar e o clima foi esquentando , minha Buceta já estava toda molhada e eu conseguia sentir o volume na calça dele, durante os beijos ele pegava na minha cintura, abaixava as mãos e as punha na minha bunda e depois subia para acariciar meus seios.

Depois de um tempo nisso o nosso fogo no cu já estava gigante então fomos pra minha casa, que ficava perto dali. Fomos direto pro quarto e no caminho fomos tirando a roupa um do outro e nossa, como ele era gostoso, até mais do que eu imaginei. Ele não era malhado e tinha um pouco de barriga, do jeito que eu gosto.

Ele tirou meus peitos pra fora do vestido e ficou chupando, enquanto com a outra mão estava roçando os dedos no meu clitóris. Depois de um tempo ele começou a me chupar e, nossa como aquele garoto chupava bem, gozei duas vezes. Depois era a hora de eu retribuir. Tirei sua calça e comecei a chupar, engoli aquele pau inteirinho e depois fiquei chupando a cabecinha até ele gozar. Depois ele me pôs de quatro e meteu na minha bucetinha e eu gemi tanto que fiquei com medo de acordar os vizinhos. Aquilo estava bem melhor do que eu imaginava. Depois trocamos de posição e eu sentei nele até gozarmos juntos.

Depois desse dia nos encontramos diversas vezes até que eu pedi ele em namoro e ele aceitou, estamos juntos a dois meses.

Contos de Sexo Relacionados

  • Contos Eróticos 1 mês atrás

    Putaria a 4

    Sou casada, estatura média, seios e bunda grande, gordinha. Meu marido tem pau médio, mas bem gostoso. Sempre falávamos em fazer muitas putarias mas eu não tinha coragem.. até que fui amadurecendo a ideia e...

    LER CONTO
  • Fetiche 5 meses atrás

    Apaixonado por calcinhas

    Olá, sou homem, sou casado, tenho 42 anos e adoro usar calcinhas, além delas serem macias, confortáveis são lindas, gosto de usar principalmente as fio dental ou tanguinha mesmo, minha esposa sabe que uso calcinhas e...

    LER CONTO
  • Contos Eróticos 2 dias atrás

    Punheta durante a aula

    Esse conto aconteceu quando eu estava na sala de aula, era um garoto novo mas muito safado já. Tinha uma garota na sala, que era um tesão só, magra, bundinha empinada, peitos redondinhos. Sempre rolou um boato ...

    LER CONTO
  • Contos Eróticos 5 meses atrás

    Recaída no escritório

    Olá, meu nome é Danielly(nome fictício), tenho 24 anos e trabalho com meu ex-namorado. Apesar de já termos terminado e hoje sermos ambos casados, ainda existe aquela chama que não se apaga, basta uma troca de...

    LER CONTO
  • Fetiche 5 meses atrás

    Meu namorado e seus fetiches

    Vivi um relacionamento de muitos anos, parceiro esse que me entreguei a minha virgindade, depois de quase 20 anos de casada, vi que ali já não me cabia mais, acabou se o casamento, enfim estava solteira. Após...

    LER CONTO
  • Heterossexual 3 meses atrás

    Comendo a mãe do meu amigo

    Quando eu tinha meus 18 anos, sempre dormia na casa de meu amigo. Normalmente saia eu, ele e a namorada dele, quando voltávamos, ele ia para seu quarto com sua namorada, e eu dormia na cama no quarto da mãe dele ou...

    LER CONTO

Deixe seu comentário

error: Content is protected !!