Metendo rola na contadora da empresa

1 vote

Eu trabalhava numa empresa  e era responsável pelo CPD da empresa, então eu fazia os fechamentos mensalmente dos créditos e débitos de impostos, por essa razão eu tinha contato com a contabilidade. Numa determinada época a empresa contratou uma nova contabilidade e coube a mim fazer a transição das empresas e apresentar todos os nossos processos para nova empresa, então agendei com a contabilidade um dia para conversarmos e já passar algumas demandas.

Então chegou o dia e para minha surpresa a representante enviada da contabilidade para um avião, uma morena baixinha, cavala, ecultural, fiquei pasmo e boquiaberto, suei frio, meu Deus o que era aquilo. O perfume dela embalsamava todo o ambiente e eu fiquei maluco.

Bom eu me transformei no cara mais educado, mais tudo que você possa imaginar, afinal queria impressioná-la, então ela estava achando que eu era um dos donos da empresa e assim deixei, aquele dia eu fui bem moroso, fiz o dia render, eu era o simpático, os outros caras da empresa souberam da novidade é a toda hora entravam no meu departamento para pedir alguma coisa, teve um que me levou uma pasta com papéis em branco dizendo que eu precisava autorizar um pagamento, me recoloquei na cadeira e fiz que analisava o documento então disse:

-Vocês revisaram bem tudo isso? Sabe que é muito dinheiro. Então assinei.

Bom acho que a essa altura ela já estava acreditando que eu era o pica das galáxias, então a convidei para almoçar e a levei no restaurante de um mega hotel que tinha próximo a empresa. Foi um almoço em grande estilo e sofisticado a mina ficou impressionada.

Muito tesão na contadora da empresa

Os dias se passaram e eu arrumava qualquer motivo para falar com ela e resolver problemas ou tirar dúvidas até que já estávamos com bastante liberdade e a convidei numa sexta-feira para um happy houer, nessa altura do campeonato peguei emprestado do dono da empresa uma BMW e a encontrei no bar na região dos jardins. Ficamos lá conversando e a minha técnica do riso, da diversão é infalível a mina fica caidinha.

Falamos de muitas coisas pessoais e ela dizia do namorado e ela  era um relacionamento que estava meio desgastado e que o namorado era meio devagar. Eu sempre a motivava e dizia que ela era muito gata para estar assim.

Ficamos até tarde no bar e acabei levando-a para casa, chegando perto ela pediu para não parar na frente da casa pq não queria que o namorado ou seu pai pudessem vela chegando com alguém, então parei na esquina, desci do carro e fui abrir a porta para ela descer, então ela desceu e ficou bem perto do carro e fechei a porta então a puxei e tasquei um malho nela, ela meio que tentou se esquivar mas fui mais insistente até que ela se rendeu e correspondeu ao malho sugador e forte, então fiquei lá dando uns amassos nela, até que dei uma chupada no seu pescoço e ombro e a ela arrepiou todinha, caraca ela simplesmente disse:

-O que é isso? E fez um ufa, e foi embora.

Bom fui para casa e descasquei uma bela punheta em sua homenagem. Vale ressaltar que eu lancei a história que havia ficado muito tempo em um relacionamento e que não queria me envolver com ninguém, isso seria útil mais para frente. Então como estratégia resolvi dar um tempo sem ligar para ela.

Depois de um mês estou na minha casa de boa e me liga no celular ela, na hora a piroca já ficou durou e pensou, puts é hoje. Ficamos um tempão e ela disse que havia comprado um apto e que precisava tirar umas medidas, então rapidamente me ofereci para ajudar.

Fomos no apto, era um conjunto de prédios bem simples e o apto dela era no térreo, quando chegamos no hall havia uma galera grande lá reunida brincando, eram jovens que viviam lá.  Passamos por eles e entramos no apto. Ela era muito gata e chamava muito a atenção, ela estava com um shortinho blusinha e sandália, estava bem gostosinha, as coxas dela era uma coisa a parte, lá no apto medimos alguma coisas e depois de um tempão eu fui pra cima dela, aí eu comecei a passar à mão por todo lado e resolvi atacar o pescoço e o ombro com chupões, mordidinhas e ela se arrepiando inteira e dando alguma gemidinhos.

A coisa foi se intensificando e aos poucos fomos arrancando nossas roupas, pense que o apto estava completamente vazio, só tinha um carpete tipo forracao bem mequetrefe, então eu a deitei no chão e quando vi sua bucetinha, pirei!

Era a coisinha mais linda do mundo, porém, bem peludinha, mas mesmo assim cai de boca, cara que gosto, que sabor delicioso tinha a bucetinha, seus seios eram pequenininhos mas rosadinhos e arrebitadinhos, eles cabiam inteiros na minha boca, então a virei de bruços no chão e vi aquela bunda, meu Deus, que rabão era aquele, eu ficava cada vez mais pirado, então deitei meu corpo sobre o dela e comecei a chupar sua nuca e fui suavemente descendo passando porca centímetro do seu corpo e ela gemendo.

Eu sentia sua pele completamente arrepiada e então cheguei no rabão, com meus joelhos abri bem as suas pernas e podia ver sua bucetinha e seu cuzinho lindos, cara eu acariciei e me abaixei para lamber aquele cuzinho, quando passei a língua no anel de couro ela literalmente deu um “ui” seguido de um gemido mais longo.

As suas nadegas arrepiadas, então coloquei minhas mãos no seu quadril colocando-a de quatro, abri mais suas pernas e dei uma chupada homérica na sua bucetinha, ela se contorceu e deu um urro então me posicionei atrás dela e encostei meu pau que estava babando muito na sua bucetinha e suavemente fui empurrando para dentro, ela foi dando um grunhido continuo e prolongado, o qual, estranhei bastante, mas enfiei meus 17 com grosso até o talo, então parei por alguns instantes e comecei suavemente tirar o pau quase que completamente e enfia-ló até o talo, mas bem suave e devagar, eu estava amando sentir aquela bucetinha quente como o fogo e molhada.

Estava completamente encharcada, segui meus suaves movimentos e ela começa a urrar, escandalosamente, é isso me dava um tesao enlouquecedor, me fazia sentir o comedor dos comedores, então resolvi socar naquela Buceta.

Então me levantei e disse vamos nos limpar e fomos no banheiro, dei uma olhada geral e não tinha papel higiênico, não tinha toalha e nem chuveiro, então disse para ela vamos fazer uma gambiarra, abri o chuveiro um pouco e aquela água gelada lavei meu pau e ela entrou e lavou sua xoxota. Eu sempre uso uma camiseta branca por debaixo da camisa, então usamos ela de toalha. Nós trocamos entre um malho e outro e saímos do apto.

Contos de Sexo Relacionados

  • Fodi a novinha dentro do mar com os outros em volta

    Olá Estava numa praia do sul em fevereiro e resolvi entrar no mar. A água estava gostosa e fui um pouco mais no fundo, pois quase não tinha ondas, só uma marola. Haviam várias pessoas na água, inclusive três amigas por volta de 18, no máximo 20 anos. As três...

  • Moça do tinder me enlouqueceu de tesão

    Sou Juliane(*), 28, solteira, gordinha, 1,73 cm, família tradicional, recém terminado um noivado com um homem. Sempre sai com homens, mas estava louca pra me aventurar com uma mulher, aliás estava com o desejo a flor da pele. Então resolvi instalar o Tinder, foi aí que...

  • Prima virgem virou minha puta predileta

    Olá a todos! Minha prima é uma morena, 1,60. Corpo perfeito tipo modelo. Magrinha, 18 anos. Eu e minha prima sempre fomos bons amigos.. Íamos ao colégio juntos. Só que com o passar do tempo comecei a desejar a ela, por ser linda, e conforme ela ia crescendo ia ficando...

  • Dei gostoso pro meu farmacêutico

    Bom dia!  Sou uma coroa bem conservada, sou loira, 1,62cm, 60 kg e uma bunda bem avantajada. Sou casada e meu marido e louco no meu bundão. Bom vamos ao que interessa... como disse sou casada há dez anos e meu esposo sempre me traiu, eu sempre fui muito honesta e dedicada...

  • Amiga da minha mãe coroa me deu a bucetona

    Minha mãe tem uma amiga que sempre vem aqui em casa, uma coroa loira de olhos azuis, cabelo a altura dos ombros bem gostosa. Certo dia sai pra jogar um futebol, cheguei em casa 18:30 quando entro em casa dou de cara com ela, que estava bebendo umas cervejas com minha mãe,...

  • Sexo bem quente e gostoso

    Era um sábado a tarde tomei um banho me depilei toda, como de costume gosto de dar uma cuidada a mais de mim nos finais de semana.. Chegando 18:00 meu namorado mandou mensagem falando que vinha pra minha casa pra gente conversar, nosso relacionamento já estava muito frio,...

  • Esposinha descarada pediu para fuder com o ex

    Sou casado pela segunda vez… Ela tem 40 e eu, 43. Ela é deliciosa… Branquinha, alta, com um rabo que deve deixar os homens loucos na rua. Os seios são um pouco mais do que médios, quase grandes e são lindos. Ela é muito bonita e tem uma boca deliciosa, além de ter a...

  • Transando com o amigo gato do meu pai

    Meu pai tem um amigo que é bem boa pinta, eles trabalham juntos e de vez em quando ele vem aqui em casa, ele não é da idade de meu pai, é bem mais jovem, e também na aparência, estiloso, gosta de viajar, se cuida, é aquele cara que todas pegaram, malha, e tem um olhar que...

1 comentários para “Metendo rola na contadora da empresa

  1. blank
    Camila • 23 de fevereiro de 2023

    Nossa que delicia uma foda assim sem esperar é muito delicioso … Isso me fez lembrar quando eu estava noiva do meu marido … Fui visitar o Apê de um colega que tbm tinha comprado para ele morar com a esposa e filhos , Quando cheguei ele estava só mas ele é aquele tipo bem sedutor e gostoso … Depois ele já tinha um bom vinho , eu estava de vestido curto acima dos joelhos decotados e sem sutiã … Ele me puxou me fez sentar no colo dele e já foi me dando uns amassos….. Ele me deitou numa poltrona velha que tinha na sala tirou minha calcinha e mamou muito na minha bucetinha ainda virgem esfregou o seu pau nela e tentou enfiar eu disse ai não … Ai ele me virou me deixou de quatro tinha uma pote de óleo de comida ele lambuzou seu pau e meu cuzinho já de cara enfiou dois dedos no meu cuzinho … Abriu bem e foi enfiando seu pau aos poucos foi tudo … O pau dele não era grosso médio mas ardia muito pois o cabacinho do meu cuzinho foi meu colega que inaugurou … Fiquei o dia todo dando meu cuzinho pra ele … Já que eu cedi aproveitei tudo e mais um pouco …

Deixe seu comentário